Comer x Alimentar

Comer x Alimentar

Se você achou que encontraria aqui a dieta ideal para uma vida saudável, infelizmente se enganou! Existem muitas divergências quando o assunto é alimentação. Tem quem acredite que o certo é comer de tudo um pouquinho. Já os mais radicais defendem que determinados tipos de alimentos (glúten, por exemplo) são inimigos e devem ser cortados da nossa dieta. Na área da saúde, manter uma alimentação saudável é unanimidade quando o assunto é prevenção de doenças.
Ok! Entendemos que devemos comer direito, mas como? Na verdade, não existe uma regra geral. Cada pessoa é única, tem um próprio DNA, e uma necessidade de nutrientes individualizada. Essa necessidade vai muito além da quantidade calórica, por isso a alimentação que serve para um pode não ser a melhor para outro. Esse assunto é tão relevante e corriqueiro que é notável o crescimento de profissionais especializados em nutrição e alimentação funcional. Em atletas de alto rendimento, a alimentação correta é tão importante quanto a rotina de treino físico.
Quer dizer que pra eu me alimentar de forma adequada eu preciso consultar um profissional? Seria o ideal, mas podemos começar a melhorar nossa alimentação prestando mais atenção com o que comemos. Por exemplo:

Conheça antes de comer.
Ler os ingredientes dos produtos industrializados que consumimos nos ajuda e avaliar melhor. Quando a lista de produtos está carregada de nomes químicos e ingredientes que certamente não temos em casa, é bom evitar.

Atenção aos ciclos naturais.
Alimentos da estação, além de mais saborosos, são cheios de nutrientes e vitaminas importantes para nosso compro enfrentar as condições climáticas da própria estação.

Coma devagar.
Independente do que você consome, a má mastigação é uma das principais responsáveis pela má digestão, podendo causar diversos distúrbios no organismo, resultando em problemas que vão desde gases, até alergias respiratórias, dermatológicas e alteração da pressão arterial.

Conheça o teu corpo.
Sabe quando alguma coisa não cai bem e você sabe exatamente o que foi? Então, evite repetir o erro. Quando determinados alimentos nos causam desconforto, pode estar relacionado a alguma intolerância alimentar. Geralmente acontece com alimentos proteicos com alto peso molecular, como lácteos, glúten, soja, amendoim e ovo.

Observe toda a trajetória do alimento.
Quando nos alimentamos bem, nosso sistema digestivo funciona bem do começo ao fim. Se você tem dúvidas se sua alimentação é adequada, comece observando seu quadro clínico. Monitore seu colesterol, sua glicose, sua pressão arterial, o funcionamento do seu intestino, sua disposição ao longo do dia. Se alguma coisa estiver fora do normal, provavelmente sua alimentação precisa de melhores cuidados.

No Comments

Post A Comment